O PROPÓSITO DA PROVAÇÃO

Há propósito na provação! Ainda que você não consiga entender, de imediato, o proveito desta crise, creia que Deus o fará forte na fraqueza e extrairá coisas boas das coisas ruins. Você crescerá no conhecimento de Deus e de si mesmo. O apóstolo Paulo disse que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e são chamados segundo o seu propósito (Rm 8.28). Não são apenas as coisas boas, mas todas as coisas, inclusive as provações. O próprio Espírito Santo conduziu Jesus Cristo ao deserto para que Ele fosse provado na Sua fé e obediência. Era necessário que, como homem, Ele aprendesse a viver na total dependência de Deus e a sua posição diante do tentador demonstrou que Ele tinha um total comprometimento com Deus e com a Sua Palavra. Quando o diabo sugeriu que Ele transformasse pedras em pães, Jesus declarou: “Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus” (Mt 4.4). A intenção do diabo era que Ele usasse o poder de Deus em prol de si mesmo, mas Jesus estava preparado para a prova. O inimigo até insistiu, mas saiu derrotado do confronto. Jesus foi experimentado e aprovado. Ele saiu dali fortalecido e revestido de autoridade para curar, libertar e anunciar a salvação divina. O confronto manifestou aquilo que estava no Seu coração, e é exatamente isso que a provação fará em nossas vidas. Ela é como um espelho e refletirá aquilo que está guardado dentro de nós. Tiago escreveu: “Meus irmãos, tende por motivo de grande gozo o passardes por várias provações, sabendo que a aprovação da vossa fé produz a perseverança; e a perseverança tenha a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, não faltando em coisa alguma” (Tg 1.2-4). Ao invés de lamentar a crise, vença em nome de Jesus.


DEVOCIONAIS EM VÍDEOS